A equipa de vendas e as redes sociais

As Redes Sociais devem ser potenciadas pela equipa de vendas.

As equipas de vendas devem gerir a utilização das redes sociais de forma eficaz. No mundo de hoje, a difusão de informação acontece de forma instantânea, a cada momento. As redes sociais vieram alterar hábitos e rotinas, momentos de lazer e ainda a leitura e o acesso a informação generalista, entre outras. Trouxeram, ainda, novas formas de gerir relações de negócio e mesmo a nível pessoal. Potenciar as redes sociais com a equipa de vendas pode ser, assim, um canal de extrema eficácia.

Na era digital e da imagem hiperbolizada, as redes sociais desempenham, por um lado, um papel central e as equipas de vendas não podem, assim, deixar de potenciar a sua utilização. É, por outro, fundamental seguir algumas regras simples, as quais asseguram uma segura e eficaz comunicação, minimizando riscos de reputação para a marca que representam.

As redes mais adequadas

um profissional de vedas deve, à partida, ter um bom perfil linkedin. Porque é, ainda, a rede de negócio e comunicação corporate por excelência. Mas saber quais as redes mais adequadas aos objectivos da sua organização, ou para o negócio da sua empresa, são bons pontos de partida. Ter um modelo dirigido ao consumidor (B2C) ou a um mercado de corporate services (B2B) irá determinar a escolha. Por exemplo, se vende serviços financeiros para empresas, a publicação de um conteúdo mais técnico poderá encaixar melhor no linkedin. Mas, por outro lado, comunicar um produto de beleza terá resultados mais eficazes numa rede onde a imagem é a essência, como o instagram.

Perfil pessoal e perfil profissional

Os perfis giram em torno de seguidores e “amigos”. Muitas pessoas publicam conteúdo relacionado com a sua vida familiar ou de lazer, e este deve ser distinto de um perfil profissional. Poderá ter 2 perfis distintos, garantindo que chega a diferentes públicos de forma eficaz, e sem embaraços desnecessários.

O conteúdo

O marketing de conteúdo é uma ferramenta determinante para promover a imagem de uma empresa, produto ou serviço. Deve ser relevante e útil, despertando, desde logo, interesse para que o potencial cliente seja “seguidor” e volte à sua página.

Deve ser extremamente criterioso na publicação dos seus posts. Evitar mensagens de teor político, ou que sejam discriminatórias ou outras, será imprescindível. Deverá, acima de tudo, assegurar total alinhamento com a estratégia de comunicação da sua organização. As redes sociais são poderosas e desempenham um papel fulcral nos dias de hoje, devendo ser, assim, geridas com critério apertado. Não esqueça a utilização de imagens e vídeos, os quais aumentam o nível de interesse e reação. Este é um ponto determinante: a visualização é, hoje, muito mais importante do que a leitura. Assim, o conteúdo deve ser criativo e atrativo. Por último, a cadência e regularidade consistentes, irão fazer toda a diferença.

Os departamentos de marketing têm, cada vez mais, conteúdos relevantes, por exemplo em lançamentos de produtos, ou eventos em que a equipa de gestão participa, ou momentos de especial importância para a marca. Estes são sempre momentos que devem ser promovidos.

Formação das equipas de vendas

As equipas de vendas têm um papel crítico na gestão de ferramentas de social media e content marketing, não devendo ter receio de as dominar. Mas nem todas as pessoas estão familiarizadas com as melhores técnicas para potenciar a sua utilização. Assim, nada melhor do que treinar e formar as suas equipas, para alavancar estas oportunidades.

Saiba mais em https://salesfactory.pt/consultoria-marketing-vendas/

Deixe um comentário